Banner - AnúncioBanner - Anúncio

Ilton Henrichsen comentou situação precária da BR 060 entre Chapadão do Sul e Camapuã

Publicada em 08/04/2015, lida 297 vezes
Ilton Henrichsen comentou situação precária da BR 060 entre Chapadão do Sul e Camapuã

         (Assessoria de Comunicação - Natália Scheer) O vereador Ilton Henrichsen iniciou seu pronunciamento comentando sobre a Medida Provisória do governo federal que suspende o emplacamento de maquinários agrícolas, segundo ele embora seja provisória, a medida é uma grande conquista para o agronegócio. O vereador citou que se de fato fosse necessário o emplacamento, a classe produtora que hoje em muitos locais vive uma situação preocupante e até “endividada” passaria por uma grande crise e que os reflexos seriam imediatos ao país todo, uma vez que o Brasil muito depende do agronegócio.

“O emplacamento de maquinários agrícolas é um absurdo e uma falta de respeito com quem produz alimentos” Enfatizou o vereador. Dando sequencia ao seu pronunciamento o vereador comentou a situação precária da BR 060 onde recebeu resposta do Secretario Edson Girotto que justificou a situação pela paralização das obras no local, o vereador comentou que esta situação já é notória e que espera que no caso de uma investigação a mesma será rápida e coerente.

Ilton comentou ainda sobre uma indicação da câmara que solicita uma operação tapa buracos na BR 060 feita com cascalho pela própria administração municipal, o vereador justificou seu posicionamento contrário afirmando que o cascalho não seria suficiente para melhorar a situação daquela rodovia, uma vez que o fluxo de veículos pesados é muito grande naquele local.

O vereador afirmou ainda que em outras ocasiões alguns vereadores se mostravam contrários a ações de melhorias em estradas que somariam ao transporte escolar e outras melhorias e que são favoráveis a manutenção de uma rodovia que é obrigação do governo federal, segundo ele, cabe aos vereadores cobrar o governo para que se iniciem as obras de manutenção do local.

Ilton finalizou afirmando não entender a indicação, que se realizada pode gerar um processo de improbidade administrativa contra o executivo. “Não sei se é uma pegadinha pra pegar o prefeito ou se é falta de conhecimento mesmo, mas não pode ser feito, mesmo com aprovação da câmara, temos é que cobrar do governo federal” Finalizou o vereador.

Comentar
Banner - Anúncio

Comentários

Banner - Anúncio


Banner - Anúncio

Banner - Anúncio

Banner - Anúncio

Banner - Anúncio

Banner - Anúncio

Banner - Anúncio

Banner - Anúncio

Banner - Anúncio

Banner - Anúncio

Banner - Anúncio


©2017 ChapadenseNews. Todos os direitos reservados.
Reprodução autorizada desde que mencionada a fonte.
Desenvolvido por CerradoSites